logotipo ence

 

Dia do Estatístico.
Recomendações.
Tardes Culturais.
Seloge.
Processo Seletivo 2022.
Processo Seletivo 2022.
Livro 20 anos PPG
Núcleo ENCE Covid-19
Agenda de Eventos Externos
SAS
01/10 
start stop bwd fwd

 
 
 
atividades
 
 
ungp brazil hub logo md
 
 
ico rbe.fw
 
 

Alunos da ENCE participam da turma-piloto do curso Noções de Estatística no Cotidiano

 

Estatistica no cotidiano

Você sabia que aquele carro que passa pela porta da sua casa anunciando, em alto e bom som, a venda de uma razoável quantidade de ovos por um preço bem convidativo, além de estar levando esse apreciado alimento diretamente até você também pode te ajudar a fazer uma boa reflexão sobre estatística? É isso que mostra o curso Noções Básicas de Estatística no Cotidiano, elaborado pela Coordenação de Treinamento e Aperfeiçoamento (ENCE/CTA), em parceria com a coordenação de graduação da Escola Nacional de Ciências Estatísticas (ENCE).

A novidade é que os conteúdos das aulas foram estruturados no formato de histórias baseadas em situações que vivenciamos em nosso cotidiano. Assim, após ouvir a gravação da voz do vendedor anunciando a promoções dos ovos, por exemplo, o aluno é convidado a pensar por que esse produto está mais barato. Para ajudar na reflexão, ele é apresentado aos resultados da pesquisa Produção de Ovos de Galinha (POG), realizada pelo IBGE, para verificar como o aumento da produção pode ter influenciado na queda do preço.

Desde o início de junho, uma turma-piloto, formada por alunos do primeiro período de graduação da ENCE, já está fazendo o curso. Eles terão um prazo de até três meses para concluírem a carga horária de 20 horas e registrarem suas impressões nos fóruns abertos em cada capítulo. As avaliações feitas pelos alunos vão servir de base para uma revisão do curso.

Participação dos alunos conta como atividade complementar de graduação

Para Gustavo da Silva Ferreira, professor e coordenador de graduação da ENCE, a participação dos alunos traz grandes benefícios para os calouros do curso de graduação em Estatística, pois vai contar como uma atividade complementar (componente curricular do curso), além de permitir que os alunos entrem em contato com novas tecnologias de ensino e possam fixar conceitos básicos de estatística.

“Parcerias deste tipo são importantes porque permitem unir a difusão do conhecimento acadêmico, produzido na ENCE, com a flexibilidade da modalidade EAD e das tecnologias desenvolvidas pela área de treinamento. Este curso pode ser um primeiro passo para uma posterior oferta de cursos e treinamentos oriundos de pesquisas realizadas no âmbito da ENCE, tanto para alunos da escola quanto para o público externo”, esclarece Gustavo.

Curso aproxima a estatística das situações vivenciadas no dia a dia das pessoas

Segundo Aline Bezerra, desenhista educacional da ENCE/CTA, responsável pela elaboração do curso, os textos têm um formato parecido com o de uma crônica. “A ideia é que por meio de histórias as pessoas se sintam mais interessadas por um conteúdo que possa ser mais factível, que não seja circunscrito a conceitos que muitas vezes ficam afastados do cotidiano, das vivências. Por isso, trazemos histórias, que são intercaladas com pesquisas do IBGE”.

O curso está organizado em cinco unidades (conhecimentos estatísticos, gráficos e tabelas, medidas de tendência central, medidas de dispersão e investigações estatísticas), as quais trazem elementos culturais em cada uma das lições, abordando aspectos artísticos ou científicos. A expectativa é que, ao final, os participantes sejam capazes da reconhecer a aplicação de conceitos básicos de estatística em situações cotidianas, contribuindo para o desenvolvimento de um pensamento crítico relacionado à aplicação desses conceitos.

Após a conclusão das atividades da turma-piloto, o curso será oferecido para o público interno do IBGE e depois para a sociedade em geral. A expectativa, segundo Paulo Tostes, coordenador da ENCE/CTA, é que o curso seja uma ferramenta que ajude as pessoas a perceberem como a estatística está presente no seu cotidiano. “Essa iniciativa está alinhada a práticas de letramento estatístico, apoiadas por institutos de estatística em todo o mundo. Queremos ajudar as pessoas a interpretarem estatísticas, notícias e questões relevantes para suas vidas”, conclui.

Endereço: Rua André Cavalcanti, 106 - Bairro de Fátima - CEP 20231-050 - Rio de Janeiro