logotipo ence

 

processo_seletivo.
SAS
Seminario
Seloge.
Horario
PTEP
Ence 60 anos
1/7 
start stop bwd fwd

 isi2017
 
 
 Vesamp

Defesa de Monografia de Aline Claro de Oliveira Guglielmeli

 Escola Nacional de Ciências Estatísticas

Pós-Graduação Lato Sensu em Análise Ambiental e Gestão do Território

Apresentação de Monografia

A Escola Nacional de Ciências Estatísticas A Ence convida para a apresentação da monografia final do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Análise Ambiental e Gestão do Território intitulada: “Análise multitemporal do grau de antropização da área de proteção ambiental municipal do Rio Uberaba – Uberaba/MG”.

Aluna: Aline Claro de Oliveira Guglielmeli
Data: 6 de abril 2017 – quinta-feira
Horário: 10h30m
Local: Ence - Rua André Cavalcanti, 106 – Sala 306 – Bairro de Fátima

Resumo: O uso e cobertura da terra está em constante modificação. No entanto, algumas áreas necessitam ser conservadas, e para isso se faz necessário o acompanhamento das mudanças ocorridas ao longo do tempo. Uma dessas áreas é a Área de Proteção Ambiental municipal do rio Uberaba, que foi criada com o objetivo de proteger o rio Uberaba, principal manancial de abastecimento público da cidade de Uberaba – MG. Sendo assim o presente trabalho tem por objetivo realizar uma análise multitemporal do uso e ocupação da terra na APA municipal do rio Uberaba utilizando o Índice de Transformação Antrópica (ITA) e analisar qual o impacto que sua criação teve em relação a regulação do uso e ocupação da terra. Para se alcançar tais objetivos, foram utilizadas imagens do satélite Landsat 5 de 2000 e 2010 obtidas gratuitamente no site do INPE e do satélite Landsat 8 de 2016 obtidas no site do USGS. O ITA utiliza a variável uso e cobertura da terra, sendo portanto elaborados mapas temáticos para cada ano de estudo com as seguintes classes definidas: covoais, vegetação natural, cultura, solo exposto, pastagem e área urbana. Para a obtenção deste mapa foi realizada uma classificação das imagens utilizando o método de classificação supervisionada pixel-a-pixel, conhecido como Maxver ou Máxima Verossimilhança. A fim de verificar a confiabilidade dos dados gerados, neste trabalho os resultados das classificações foram submetidos à validação calculando a matriz de confusão e o índice Kappa sendo encontrado para este índice os valores de 0,86%, 0,83% e 0,76% para os anos de 2016, 2010 e 2000, respectivamente, que segundo os critérios adotados neste trabalho foram considerados razoáveis. O ITA foi calculado para cada ano de estudo e a APA municipal do rio Uberaba foi classificada como degradada nos de 2000 e 2010 e em 2016 o resultado do ITA foi regular. Os resultados demonstraram que a criação da unidade de conservação contribuiu para a regulação do uso e ocupação da terra. A metodologia empregada atendeu satisfatoriamente aos objetivos propostos e se mostrou uma ferramenta fácil de ser aplicada e contribui para o entendimento da dinâmica ambiental ao longo do tempo.

Banca examinadora:
Dra. Julia Celia Mercedes Strauch (IBGE/Ence/CPG) – Orientadora
M. Sc. José Antônio Sena do Nascimento (IBGE/DGC)
Dra. Sonia Maria Lima Silva (CARTO/FEN/UERJ)

Gerência do Lato Sensu

Endereço: Rua André Cavalcanti, 106 - Bairro de Fátima - CEP 20231-050 - Rio de Janeiro