logotipo ence

 

Segundo semestre de 2020.
Núcleo ENCE Covid-19
Agenda de Eventos Externos
Horário
Seloge.
processo_seletivo.
SAS
1/7 
start stop bwd fwd

 
 
 
atividades
 
 
 
 
ico rbe.fw
 
 

Seminário Ence: Determinação de uma política ótima de manutenção preventiva sob a suposição de reparo imperfeito

Escola Nacional de Ciências Estatísticas

Seminário Ence

A Ence tem o prazer de convidar para a palestra:

Determinação de uma política ótima de manutenção preventiva sob a suposição de reparo imperfeito

  Palestrante

Maria Luíza Guerra de Toledo

Escola Nacional de Ciências Estatísticas (Ence)

 

Dia: 03/11/2014 – segunda-feira Horário: 16h00-18h00

Local: Ence – Rua André Cavalcanti, 106 - sala 306 – Bairro de Fátima

 

Resumo:

Uma política de manutenção adequada é essencial para reduzir gastos e riscos associados a falhas em sistemas reparáveis. As suposições usuais de reparo mínimo ou perfeito na ocorrência de falhas não são, em geral, adequadas para modelar o comportamento de sistemas reais, tornando-se necessária a utilização de modelos para Reparo Imperfeito (RI). Neste trabalho, as classes ARA e ARI de modelos RI são exploradas. Sob tais modelos, as funções de verossimilhança são derivadas e seus parâmetros são estimados, obtendo-se assim indicadores de confiabilidade que permitem predizer o comportamento futuro do processo de falhas de sistemas de interesse. Utilizando-se um modelo para RI de idade virtual, caso particular da classe ARA, é proposta uma política de periodicidade de Manutenção Preventiva (MP), a qual estima intervalos de tempo ótimos para a realização da MP, de forma a minimizar o custo com ações de manutenção. Mostra-se ainda que tal política pode ser melhorada ao se utilizar uma perspectiva dinâmica, sob a qual a observação de uma eventual falha no sistema sob análise permite recalcular o tempo ótimo da próxima MP, com base no efeito do reparo realizado. Tais políticas são aplicavéis a qualquer modelo para RI. Estudos por simulação de Monte Carlo são implementados para avaliar o desempenho dos métodos propostos.Tais métodos são aplicados a uma situação real, envolvendo a manutenção de motores de caminhões fora de estrada utilizados por uma mineradora.

A participação é aberta e contamos com a participação de todos os professores e alunos da pós-graduação, da especialização e da graduação, assim como de todos os funcionários do IBGE.

Informações: Tel.: 2142-4696 - 2142-4691

e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Coordenações d aGraduaçãoe da Pós-Graduação

Endereço: Rua André Cavalcanti, 106 - Bairro de Fátima - CEP 20231-050 - Rio de Janeiro