logotipo ence

 

Seloge.
Pesquisa com Egressos
Seminario.
processo_seletivo.
SAS
Horario
1/6 
start stop bwd fwd

 
 
 Cartaz20AnosPPG Ence
 

Defesa de Dissertação:Determinantes da coleta seletiva nos municípios brasileiros

ESCOLA NACIONAL DE CIÊNCIAS ESTATÍSTICAS
Mestrado em Estudos Populacionais e Pesquisas Sociais.
Defesa de Dissertação: “Determinantes da coleta seletiva nos municípios brasileiros”.
Aluna: Cristiane dos Santos Moutinho
Orientadora: Maysa Sacramento de Magalhães
Coorientadora: Sonoe Sugahara Pinheiro

Data: 17 de dezembro de 2013 – terça-feira
Horário: 15:00 horas
Local: ENCE - Rua André Cavalcanti, 106 – Sala 306 – Santa Teresa

Resumo da Dissertação
A preocupação com a disposição dos resíduos sólidos no solo cresceu nos últimos anos no Brasil. A utilização de formas alternativas para a destinação dos resíduos sólidos fazem parte da Política Nacional de Resíduos Sólidos, instituída pela Lei 12.305/10, e tem como finalidade minimizar a quantidade de resíduos sólidos dispostos no solo dos municípios brasileiros. Uma destas alternativas diz respeito à coleta seletiva, a qual está diretamente relacionada à implementação da responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida dos produtos, que contempla desde a sua produção até o seu reaproveitamento, através do uso da reciclagem. O objetivo desta dissertação consiste em estudar a limpeza urbana nos municípios brasileiros, mais especificamente, a coleta seletiva, modelando os determinantes municipais da presença de coleta seletiva. Sendo assim, a partir da Pesquisa Nacional de Saneamento Básico (PNSB) de 2008, procurou-se identificar variáveis que explicassem a presença de coleta seletiva nos municípios brasileiros. Modelos de regressão logística foram propostos e os resultados obtidos mostraram que as Grandes Regiões Sudeste e Sul são representativas da coleta seletiva no Brasil e que a participação de escolas nas ações de coleta seletiva e a participação de associações de catadores nas ações de coleta seletiva são as variáveis que indicaram possuir maior poder explicativo sobre a presença de coleta seletiva no município. Adicionalmente a estes resultados, observou-se que quanto maior a renda média domiciliar per capita e quanto maior o Produto Interno Bruto per capita do município maior a vantagem em favor da ocorrência de coleta seletiva no município.

Banca examinadora:
Dra. Maysa Sacramento de Magalhães (ENCE/IBGE) – Orientadora
Dra. Sonoe Sugahara Pinheiro (ENCE/IBGE) - Coorientadora
Dra. Denise Britz do Nascimento Silva (ENCE/IBGE)
Dr. Cesar Ajara (ENCE/IBGE)
Dr. Cosme Marcelo Furtado Passos da Silva (Fiocruz)

Endereço: Rua André Cavalcanti, 106 - Bairro de Fátima - CEP 20231-050 - Rio de Janeiro